Natação: Brasil vive ressaca após fim da era Cielo

Veja aqui a previsão atualizada dos resultados da natação na Rio-2016.

fratus_625_satirosodre

Nos últimos 24 anos a natação brasileira tem repetido um padrão nas Olimpíadas: nasce uma geração promissora, ela vive seu auge, em seguida tem seu ocaso, na edição seguinte há uma entressafra e enfim surge uma nova geração. A Rio-2016 é uma Olimpíada de entressafra, ao que indicam os úlitmos resultados dos brasileiros. Vamos ganhar “só” uma medalha de prata com o macaense Bruno Fratus (na foto de cima) nos 50m livre.

Com o resultado de Fratus o Brasil repetirá o desempenho de Barcelona-1992, quando Gustavo Borges ganhou sua primeira prata. Ali era o início da geração que viveu seu auge em Atlanta-1996, com uma prata e três bronzes, e seu ocaso em Sydney-2000, com “apenas” um bronze.

Atenas-2004 foi uma Olimpíada de transição até que surgisse o fenômeno Cesar Cielo, que conseguiu o melhor resultado do Brasil: um ouro e um bronze em Pequim-2008. Em Londres-2012 Cielo levou apenas o bronze e Thiago Pereira faturou a prata.

Cielo não conseguiu se classificar para o Rio. Thiago tem chance de ir à final dos 200m medley, prova da qual é o atual vice-campeão mundial, mas enfrentará a concorrência do favorito Michael Phelps, do provável medalhista de prata, o japonês Kasuke Hagino, e do também estadunidense Ryan Lochte, mais cotado para o bronze.

Katie-Ledecky-celebrates-PI.vresize.1200.675.high.38

Por falar em Phelps, o estadunidense, que já ganhou 12 medalhas de ouro em Olimpíadas – é o atleta com o maior número de ouros na história -, deve ser novamente o destaque. Ele está cotado para ganhar mais dois ouros (nos já citados 200m medley e no 100m borboleta) e uma prata (nos 200m borboleta).

Também devem se destacar a estadunidense Katie Ledecky (na foto acima – com ouro nos 400m e nos 800m livre e prata nos 200m livre) e a húngara Katinka Hosszú (ouro nos 200m e 400m medley e prata nos 200m costas).

 

O melhor desempenho será da Austrália, com dez ouros, seguida dos EUA, com oito ouros, e da Hungria, com três ouros. O Brasil será o 15o. melhor país.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s